© 2010 3C Arquitetura e Urbanismo. All rights reserved.

024_AUL

EDIFÍCIO DO SABER – AULÁRIO FASES I E II

Fundação Parque Tecnológico Itaipu
Foz do Iguaçu, PR
Projeto – 2009-2011
Execução – 2010-2012
Área de intervenção: 15.000,00 m²
Área construída: 8.000,00 m² (Fase I)

OBJETIVOS
Projeto previsto no Plano Diretor do PTI que apresenta programa de necessidades simples e direto, conta basicamente com salas de aula, laboratórios de ensino e espaços de apoio para atender os alunos das faculdades e demais instituições de ensinos locadas no PTI.

Foi desenvolvido buscando aliar técnicas construtivas que atendesse à urgência da demanda por tais espaços, fato que influenciou diretamente na solução proposta.
O Aulário teve todos projetos complementares coordenados pela 3C Arquitetura e Urbanismo, que desenvolveu os seus anteprojetos e participou no desenvolvimento dos Projetos Executivos que ficaram sob responsabilidade de profissionais especializados.

PROPOSTA
A grande demanda a ser atendida, como colocado, foi atender a prazos curtos de execução que aliados à dimensão da obra passou a ser o principal condicionante do projeto. Aliado à isso, buscou-se conferir à obra os princípios de sustentabilidade abordados ainda no Plano Diretor do parque.

Assim, foi proposto um sistema modular de construção que, do ponto de vista estrutural, se repetem por todos 27 módulos da obra. A Fase I, que encontra-se executada, é composta por 12 módulos, de 4 andares no total (térreo com mezanino, mais três tipos) e aproximadamente 8.000,00m² de área construída.

Para o sistema estrutural optou-se pelo sistema de concreto pré-moldado e para os fechamentos internos divisórias em dry-wall, racionalizando dessa maneira grande parte da obra. Com relação à soluções ambientalmente responsáveis, o projeto propõe o sombreamento e ventilação cruzada das salas de aula, tratamento de parte de efluentes no local e reutilização dos mesmos, juntamente com as águas pluviais na própria edificação, utilização de ”fachada verde” composta por vegetação na rampa, entre outras.

Fachada oeste, antes do crescimento das trepadeiras
Vista da fachada oeste
Vista da fachada oeste, com as trepadeiras crescendo
Vista da pele verde a partir as passarelas da fachada leste
Vista da pele verde a partir as passarelas da fachada oeste
Foto da passarela na fachada oeste do edifício, após crescimento das trepadeiras.
Vistada passarela na fachada oeste do edifício, após crescimento das trepadeiras.
“Ysy, Kuarahy ha Yvytu” (A Mãe Água, o Sol e o Ar), por Miguel Hachen.
Sequência do sistema estrutural
Sequência do sistema estrutural em concreto pré-moldado
Vista geral do edifício
Vista geral do edifício
024_AUL_04_foto local_11
Cobogós e vegetação da fachada oeste.
Extremo norte da Fase I.
Parte da fachada leste.
O novo e o antigo: vista da fachada leste e com antigos alojamentos em primeiro plano
Circulação vertical aberta e vista dos antigos alojamentos
Vista noturna
Planta 3° e 4° pav. e cortes transversais
Planta 3° e 4° pav. e cortes transversais.
Vista para Itaipu
Vista para Itaipu

EQUIPE DE PROJETO

Autores:
Arq. Leonardo Damiani Poletti
Arq. Paula de Moraes Lopes
Arq. Tiago Holzmann da Silva
Colaboradores:
Arq. Pedro Augusto Alves de Inda
Arq. Fernanda Zucolotto
Acad. Lucas Gonçalves Valli
Projetos Complementares:
Arq. Alexandre Leão – Hidrossanitário, SPDA, PPCI
Arq. Rômulo Giralt Plentz – Luminotécnico
Arq. Silvia Morel – Luminotécnico
Eng. Augusto Franarin – Orçamento, Cronograma Físico/Financeiro
Eng. Ben-Hur Costa – Estrutural
Eng. Isabel Cristina Telles Silveira – Hidrossanitário (ETE)
Eng. Marilene Cardoso – Elétrico e Lógica
Eng. Nilton Langer – Estrutural
Eng. Paulo Otto Beyer – Climatização