© 2011 3C Arquitetura e Urbanismo. All rights reserved.

039_LAB

POLO DE LABORATÓRIOS DO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU

Fundação Parque Tecnológico Itaipu
Foz do Iguaçu, PR
Projeto – 2012
Área total da proposta – 3.650,00m²
Área de intervenção – 2.850,00m²

OBJETIVOS

Eliminar a instalação dispersiva de laboratórios pelas áreas de trânsito de pessoas. O espaço físico a ser construído seria adequado a laboratórios, isolado de trânsito dispensável de transeuntes;
Garantir a segurança de operação dos laboratórios na execução de projetos, sob normas explícitas, evitando risco de acidentes;
Operar sob as normas ambientais de geração de resíduos e de emissões, com tratamentos adequados e sob controle contínuo, uma vez que o Parque está estacionado ao lado de Área de Proteção Permanente (APP).
Permitir que a área do Parque, além do Pólo, seja considerada como risco zero de geração de resíduos tóxicos e perigosos;
Permitir uma base tecnológica para instalação no Parque de empresas geradoras de inovação, oferecendo estrutura de apoio básico para ensaios, testes e validações. Espera-se, com esta ação, que a instalação de empresas novas e a vinda de já existentes em outras regiões seja estimulada, atendendo os objetivos do Parque Tecnológico;
Garantir o inter-relacionamento tecnológico entre as empresas do parque, uma vez que os laboratórios atendem de forma transversal e permitem a troca de informações e de tecnologias;
Garantir o alto nível de treinamento e capacitação de pessoas, permitindo a implantação de projetos de Inovação e desenvolvimento Tecnológico.

PROPOSTA

Objetiva a implantação de uma área específica para alocação dos laboratórios existentes no Parque e a instalação de novas unidades para completar a base tecnológica da região, podendo atender as empresas instaladas e atrair novos empreendimentos para o ambiente tecnológico do PTI.
Neste espaço, serão implantados laboratórios de base tecnológica, de pesquisa, e de desenvolvimento tecnológico, o que transformará tal espaço em um centro de qualificação e treinamento para todos os habitantes do Parque, permitindo o alto nível de execução dos projetos tecnológicos desenvolvidos. Como a instalação dos laboratórios atuais do Parque foi feita de forma aleatória, não houve como atender aos conceitos de segurança, seja relacionada aos insumos de cada laboratório ou ao espaço físico que o laboratório ocupa, considerando os arredores, o trânsito de pessoas e as regras de utilização do espaço físico.
Assim, para que a segurança humana e dos bens do PTI seja garantida, propõe-se a realocação dos laboratórios para área específica, ao sul do Parque, no local onde estava previsto pelo Plano Diretor a implantação do Parque da Tecnologia Sustentável.
O prédio será dividido em três tipos de laboratórios: mecânica, elétrica e química, com equipamentos básicos e ajustes específicos para cada tipo, além de uma área de suporte, composto por salas de escritório, recepção, copa, banheiros, depósitos, auditório, etc.

Foto aérea, localização do laboratório em destaque.Implantação ao lado da Biblioteca Paulo Freire.ImplantaçãoPerspectiva geral.Planta baixa térreo.Planta baixa segundo pavimento.Detalhe de acesso as redes de infraestrutura – Piso técnico / corpo da edificação.Corte ampliado.Detalhe do paisagismo.Vista Externa.Vista lateral.Fachada PrincipalPerspectiva geral.

Video dos projetos do FOCEM.

EQUIPE DE PROJETO
Autores:
Arq. Leonardo Damiani Poletti
Arq. Tiago Holzmann da Silva

Colaboradores:
Arq. Lucas Gonçalves Valli
Acad. Arq. Luiza Haussen