Società di consulenza © 2009 3C Arquitetura e Urbanismo. Tutti i diritti riservati.

023_ CAM

CAMAQUA PLHIS

Planimetria dell'alloggio di interesse sociale
Prefeitura Municipal de Camaqua
Camaqua, RS
Piano settoriale- 2009

PIANO CASA
Inserito in un nuovo quadro istituzionale della politica edilizia, il cosiddetto PLHIS – livello locale delle abitazioni di interesse sociale – è pensato come strumento politico-amministrativo che implementa programmi, obiettivi e le azioni per superare il problema dei senzatetto e promuovere la qualità della vita, principalmente di famiglie a basso reddito.

Dovrebbe essere capito come uno dei piani settoriali di comuni, che completano il piano strategico a lungo termine della società, in una visione globale della pianificazione territoriale che emerge dalla Costituzione brasiliana 1988. In questo set, il PLHIS deve comporre il quadro normativo e strategico della politica urbana su scala locale.

No caso de Camaquã, o PLHIS buscou dar ordem às iniciativas dispersas e historicamente pouco assertivas dos governos locais. Apesar de a zona urbana do município dispor de amplas áreas para provisão de moradias populares, as noções de pertencimento e classe social permeiam drasticamente o modo de ocupação da cidade, gerando “caroços” de informalidade, baixa qualidade da construção e mesmo exposição a riscos.

Caso sintomático da história de ocupação da metade sul do RS, em Camaquã os problemas habitacionais encontram-se atrelados a estrutura de poder político e econômico, com traços marcados de clientelismo e dependência históricos dos mais pobres para com as elites locais.

Em Camaquã, sistematizar a política habitacional e dar transparência aos processos públicos é a chave para superar a falta de moradias e baixa qualidade do habitat. O desafio neste caso é que tais práticas são contrárias a processos muito arraigados na cidadania local.

photo locale.Imagem obtida por satélite.Mapa da cidade.Síntese do CENSO 2000 IBGE.023_CAMAglomerados subnormais e assentamentos não consolidáveis 023_ CAMBairros.023_ CAMDomicílios improvisados.023_ CAMAudiência pública 31/08/2009.

3URBANISTICA E ARCHITETTURA C

SQUADRA:
ARQ. Holzmann Tiago da Silva
ARQ. Julio Celso Vargas
ARQ. Alexandre Pereira Santos
COLLABORATORI:
SoC. Eliete Cardoso Gomes
ECON. Leandro Valiati
Acad. ARQ. Thais Pimpi

COORDINAMENTO DA PARTE DEL COMUNE
Ana Luísa Rodrigues de Farias – Secretaria Especial de Governo